3 de agosto de 2005

MENINOS x meninas


Nâmaskar = Namastê

O Censo demográfico de 2001 mostra uma grande diferença entre o número de meninos e meninas não apenas na zona rural da Índia mas também na zona urbana.

Lugares como a capital Nova Delhi tem uma diferença de 842 meninas para cada 1000 meninos sendo que o mínimo aceitável segundo a Organização Mundial de Saúde é de 950 meninas para cada 1000 meninos.


Aqui em Delhi as clínicas de ultrasom para fins de aborto seguem o slogan “Gaste 500 rúpias agora a economize 500 mil rúpias mais tarde”. O que mais surpreende é que a mentalidade de matar fetos femininos também faz parte da classe média e da classe alta indiana e atualmente é maior nas cidades do que nas zonas rurais segundo o Censo.

***

Foi descoberto um esquema de corrupção nas cooperativas habitacionais e o caso está sendo investigado, ou seja, corrupção não é um fenômeno brasileiro e acontece aqui na Índia também.

***

Se você planeja vir a Mumbai, é melhor saber nadar ou até mesmo mergulhar pois em algumas áreas o nível da água ainda não abaixou e segundo a meteorologia as chuvas vão continuar, a final de contas estamos em plena época de monções.
***

O governo indiano planeja (só Deus sabe como) acabar com os mosquitos transmissores de doenças nas cidades.


Para cozinhar como não dá pra espirrar inseticida na cozinha, eu coloco aquelas espirais que vão queimando como se fosse um incenso; e quando tenho que sair passo repelente na pele. Espero sinceramente que o governo acabe com os mosquitos. Sonhar faz bem...
Incredible India! (slogan oficial do governo indiano)

OM Shanti
No ano passado o carro “fumaçê” passou aqui na rua onde eu moro e realmente foi muito bom, mas esse ano o “fumaçe” ainda não passaou e a situação está insuportável. Todos os dias eu tomo cerca de 6 a 10 picadas de mosquito DENTRO de casa, apesar de espirrar inseticida e ter aqueles repelentes líquidos que funcionam a base de eletrecidade.
Resumindo, não importa se rico ou pobre, do interior ou da cidade, os indianos ainda tem a filosofia de matar fetos femininos. Estive observando os diversos comerciais indianos na televisão e é fácil detectar as empresas politicamente corretas que põem em suas propagandas 2 crianças (1 menino e 1 menina); e as outras empresas que ainda preferem usar apenas meninos em suas propagandas.