4 de outubro de 2005

Bollywood


Nâmaskar

A maioria dos ocidentais nunca assistiu a um filme de Bollywood, mas a indústria cinematográfica indiana é a maior do mundo, sem exageros.

Bollywood, com uma produção de quase mil filmes por ano, o dobro de Hollywood, é a maior indústria cinematográfica do mundo e tem uma grande presença em vários países da Ásia, África e do Oriente Médio, mas também chega às salas do Japão, Rússia e EUA.

Em 7 de Julho de 1896 os irmãos Lumiere fizeram a primeira exibição de filmes em Bombay (atual Mumbai). Quatro anos depois, em 1900 os indianos já estavam produzindo seus próprios filmes nas cidades de Calcutá (atual Kolkata) e Mumbai.

O maior ícone do cinema indiano é um senhor de 66 anos de idade chamado Amitabh Bachchan. Ele seria como o Tarciso Meira no Brasil.

Este ano o governo indiano proibiu o consumo de tabaco em cenas de filmes e novelas de televisão, e provocou protesto da maior indústria cinematográfica do mundo, que considera esta lei "absurda" e "ridícula".

O nome Bollywood vem da combinação de Bombay + Hollywood.

Os filmes indianos possuiem pelo menos 4 números musicais com coreografia rica e elaborada. O beijo de boca ainda é tabu nos filmes indianos, assim como cenas de sexo. Temas polêmicos no geral são evitados para evitar ataques terroristas como os que ocorreram esse ano aqui em Delhi.

Para quem mora em São Paulo, sugiro visitar o consulado da Índia na Av. Paulista e escolher alguns filmes para assistir.

http://www.indiagestao.blogspot.com/ o único blog em português com notícias da Índia.

Om Shanti