18 de dezembro de 2005

Roupas Indianas


Nâmaskar

A roupa indiana feminina mais conhecida no ocidente é o SARI.

O sari é um longo tecido com 6 metros de comprimento por 1.5 de largura. Há uns saris mais curtos, com 5 metros de comprimento ou 5.5 mas a largura no geral é a mesma e tem uma variação de até uns 5 centímetros pra mais, ou seja, até 1.55 de largura.

O sari na verdade não é uma vestimenta, pois não se veste ele; ele é simplesmente um tecido enrolado no corpo, SEM costuras, botões, zíper, colchete, velcro etc.

Nunca me esqueço quando uma amiga brasileira me pediu para levar pra ela um sari tamanho grande! :)

Acompanhando o sari há uma pequena blusa colada ao corpo que cobre mesmo só os seios mas a barriga fica exposta. Na parte inferior, por baixo do sari, há um longo saiote que vai até o chão.

Já ouvi da boca de 2 brasileiras que vivem aqui como acham horroroso as mulheres mostrando suas gordas barrigas com até 3 camadas de pneus. Essa é a famosa diferença cultural, elas acham indecentes nós usarmos calça jeans e camiseta e muitas de nós acham indecente elas exporem as flácidas e gordas barrigas sem a menor vergonha.

O sari é feito de diversos tipos de tecido sendo o mais comum o algodão. Eles podem ser bordados, pintados a mão, impressos, com lantejoulas etc. Tudo depende da criatividade do artesão e do bolso do comprador. Mas uma verdade tem que ser dita, que tecido de sari indiano é tudo de bom, REALMENTE é !!!! Quem vem pra cá fica babando na sofisticação e riqueza de detalhes dos tecidos e bordados indianos. Eles são MARAVILHOSOS!!!!!!!!!!

As pessoas sofisticadas preferem os saris feitos no tear manual pois não se encontra 2 saris iguais e assim sendo, ficam com um sari exclusivo.

O sari possui um fascínio e um encanto difícil de descrever e é considerado muito sensual pelos homens indianos que adoram ver suas mulheres enroladas nessa misteriosa e sedutora vestimenta, ainda mais sabendo que por baixo do saiote não há mais nada! Isso mesmo, NADA de calcinha; a perereca eh criada solta ;)

Países vizinhos como o Nepal, Sri Lanka, Bangladesh e Butão que outrora faziam parte da Índia, ainda preservam a vestimenta tradicional indiana – sari - em seus próprios territórios.

Os homens idosos ainda usam dhoti e punjabi.

Dhoti é um longo tecido enrolado a cintura e por entre as pernas parecendo uma fralda gigante, também sem costuras, botões etc. Se você assistir ao filme Gandhi, você vai observar na parte final do filme que Gandhi não só usava dhoti, como também os fazia ele mesmo! Preste atenção e veja no filme ele enrolando o fio para fazer o tecido do dhoti em um instrumento de madeira. Assim como no caso do sari, não se usa NADA por baixo do dhoti, e o bicho é criado solto ;)

Punjabi é uma espécie de kurta longo com mangas longas.

Incredible India!

Om Shanti