10 de março de 2006

Relato da Roberta - Continuação


10/03/2006

Nâmaskar

Segue mais um relato da Roberta ...

Nossa, tantas coisas pra contar... tantas, tantas emoções.... a começar por presenciar um casamento hindu, com todos os seus rituais e sacramentos, vestindo um sari belíssimo...passando por planejar uma viagem de quinze dias, que começa na sexta-feira próxima e inclui hospedagem em palácios de maharajas que foram transformados em hotéis e safaris noturnos de camelos em pleno deserto do Rajastão.... perpassando por momentos de crise, em que me sinto o ser mais desprovido de cérebro da historia, ou melhor, por sentir que tenho me comportado como uma criança já que meu cérebro esta reconstruindo meu novo espaço como fez quando eu era pequena - reconhecendo as regras de um novo mundo, em uma língua ainda estranha......sem esquecer do documentário para o qual acabei de gravar o áudio - sim, em inglês... escrevi e falei (dei antes pra minha amiga irlandesa corrigir, claro. mas já foi um progresso). e por ultimo e mais importante, o terremoto de ontem a noite. Caralho, caralho, caralho!!! o que que foi aquilo gente?!?!?!

Estava sentada na minha cama passando as fotografias do meu cd para olap top da pushpaben, que deve ter sido comprado nos anos 20. Como a maquina fazia muito esforço pra ler o bendito cd, eu estava sentindo a vibração da rotação enquanto apoiava minha mão na cama... mas, de repente, a vibração foi ficando bigger and bigger e aquela sensação de "what the fuck???" começou a bater.... nem mesmo centenas daquele computador seriam capazes de fazer a cama tremer daquele tanto.... foi quando me lembrei que o estado onde estou, Gujarat, e famoso pelos terremotos.. corri pra debaixo da porta e gritei "Dipooba!earthquake!!!" na tentativa de acorda-la. A infeliz me sai na maior tranqüilidade, vestindo o dupata como se estivesse saindo pra jantar e diz pra gente ir pra fora... moramos no primeiro andar, então antes que ela terminasse a frase eu já estava no meio da rua, de-ses-pe-ra-da, descalça, vestindo minha calca jeans e a blusa do meu pijama brasileiro, o que significa que eu estava semi-nua dentro dos conceitos indianos, já que a alça do meu sutiã estava aparecendo...mas e dai, caralho, era um terremoto... se eu tivesse tomando banho ia sair pelada na mesma velocidade... hj as pessoas me disseram que foram 10 segundos de tremor. sinceramente, só consegui sentir firmeza de novo 20 minutos depois, quando minhas pernas pararam de tremer... 15 min depois, volto pra casa pra tentar ter noticias dos meus amigos... estava impossível, network busy all the time, mas o RO pode sentir que eu precisava falar com ele e apesar de não costumar me ligar nesse horário (era meia-noite e pouco aqui) ele decidiu sair do escritório e voltar pra casa dele pra me ligar... ainda bem, pude dizer que estava bem antes de qq noticia de terremoto atingir os ventos brasileiros.... qdo consegui falar com meus amigos daqui, a marielle me avisa que existe "after shock", uma resposta para o primeiro tremor, como se um só não fosse suficiente! ate ontem, after shock era uma bebida vermelha, com gosto de pasta de dente e canela que eu costumava beber qdo eu tinha 14 anos... não queria ter descoberto o real significado dessa forma... mas, ok. vivendo, aprendendo e sobrevivendo. como na casa da marielle tem TV, ela me contou que o terremoto foi de 4.5 na escala R. e atingiu 3 estados (Gujarat, Rajastão e uttah padresh –onde esta Delhi). ai que foi mais difícil de dormir ainda.,..

Bom, falando de coisas boa, voltemos para a minha viagem. Vou passear por Udaipur, Jaisalmer (a do safari/deserto/palácio), Delhi (onde vou encontrar minha amiga Sandra), Jaipur (a cidade onde todas as casas são caiadas de rosa), Agra (Taj Mahal), Amisvar (onde vou me juntar ao grupo "friends without borders", que fazem um trabalho de reconciliação entre índia e Paquistão), Kuctth (uma vila no meio do deserto) e de volta a ahmedabad . Mais dois dias aqui, sigo pra bombay. mais dois dias lá e vôo pra Londres no dia 31 de marco, as 2:30 da matina... ufa, vai ser fantástico. mas acho que o próximo e-mail só chega a vcs qdo mudar de continente...

Qdo vcs sentirem falta de minhas noticias, entrem no blog indiagestao, minha amiga de Delhi. ela e brasileira e escreve em português todas as situações adversas que os ocidentais tem de passar por aqui. o endereço e http://www.indiagestao.blogspot.in/ Amo vcs e todos os dias morro um pouco de saudades!
PS: To chegando em Delhi no dia 15 e fico até o dia 16. Te ligo essa semana.