17 de março de 2006

Sai Baba


17/03/2006

Nâmaskar

Hoje estou atendendo ao pedido da Carla carioca. Ela quer saber como os indianos vêem o Guru Sai Baba.
Para poder responder eu tive que perguntar aos indianos, eles me disseram o seguinte:

Há uns anos atrás Sai Baba foi um grande fenômeno por aqui e adquiriu inicialmente inúmeros devotos indianos. Atualmente o número de devotos indianos caiu consideravelmente. Esta queda teve origem em controvérsias envolvendo o Guru.

Certo dia o senhor Sargar que é mágico, foi a uma reunião do Guru e observou atentamente seus truques. Na ocasião o Guru materializava doces e os dava as pessoas como prasad (comida benta). O mágico voltou em outra reunião, desta vez preparado. Ao receber um doce das mãos do Guru, o mágico fez o mesmo truque de mágica e deu outro doce ao guru. Sai Baba ordenou aos seguranças para retirarem o mágico da platéia imediatamente e proibiu sua entrada permanentemente. Sai Baba não gostou nada de ver o mágico fazendo o mesmo truque que ele fazia. Desde então Sai Baba deixou de fazer o truque dos doces.

Em outra ocasião Sai Baba foi questionado por que não materializava objetos maiores que sua mão, como por exemplo um melão ou uma bola de futebol. Atualmente o Guru produz somente a mágica da cinzas com as mãos e não realiza mais o truque do pote de cinzas.

Um time de especialistas e cientistas da universidade de Bangalore e outras instituições quiseram estudar o Guru para provar sua veracidade. Como ele se recusou a se submeter a qualquer teste, acabou sendo desacreditado e perdeu muitos devotos. Os devotos tinham certeza que ele faria os testes e provaria sua santidade, quando ele se recusou, os devotos se decepcionaram muito e viram que realmente seus truques eram somente mágica de palco.

Passado o período e controvérsias das mágicas, novamente o Guru se viu envolto em problemas, desta vez de natureza sexual. Nesta ocasião o número de devotos indianos já havia caído e o número de devotos estrangeiros estava aumentando.

Sai Baba foi acusado não somente por um, mas por vários rapazinhos de te-los molestados sexualmente ou de ter pelo menos tentado. Foi um grande escândalo por aqui, saiu em todos os jornais, revistas e noticiários de TV e mais uma vez uma grande decepção para seus devotos.
O caso não chegou a ir à julgamento pois acordos financeiros foram feitos e os casos acertado sfora dos tribunais.

Neste últimos 5 anos o guru não se envolveu mais em escândalos, tudo anda calmo e ele agora se dedica a auxiliar os necessitados e construiu escolas e um hospital no sul da India. Seu enfoque mudou, ele já não quer mais e não precisa mais estar na mídia. Os devotos estrangeiros custeiam suas necessidades e de sua organização.

Eu nada posso dizer, nunca estive no sul da Índia e não o conheço pessoalmente. A única coisa que temos em comum é o fato de morarmos no mesmo país e termos o cabelo ruim!

Incredible India!

Om Shanti