16 de maio de 2006

Bigamia na India é Aceitável


Namastê

Em relação ao assunto de ontem, é bom que se saiba que embora a maioria das segundas-esposas tenham sua própria casa, muitas delas moram junto com a primeira esposa (na mesma casa).

Segundo o professor Sudhakar Reddy da Universidade de Hyderabad, a bigamia é histórica em Andhra Pradesh.

Durante a dinastia Kakatiya muitos homens morreram na guerra, portanto os que sobraram aproveitaram pra dar conta do recado e do superávit feminino ;-)

Outro motivo para a bigamia, trigamia e poligamia deve-se ao Land Ceiling Act, ou seja, a lei que determina uma quantidade máxima de terra por indivíduo. Casando-se com diversas esposas e pondo as terras no nomes das esposas, o sujeito burla a lei e pode manter um número grande de terra (latifundio).

Que fique claro que a bigamia é uma prática histórico-social aceitável e que ninguém vê nada de mau nisso, até porque Mallana Kathalu (uma divindade hindu), casou-se com cinco esposas de castas diferentes. No Venkateswara Mahatmyam (Konda Kathalu) o deus Venkanna casa-se com três esposas...

Não são só esses hindus de Andhra Pradesh que tem mais de uma esposa não; o que eu não entendo, é por que a lei indiana permite aos muçulmanos ter até 4 esposas e os hindus não? Mas também, quem liga pra lei????

E mudando de assunto, o pau tá comendo feio por aqui também. Todos os dias os policiais espancam alunos de medicina, engenharia etc. Os alunos estão indo às ruas protestar contra a nova política de cotas (vagas reservadas para minorias).

O que é estranho nisso tudo, é que as “minorias” são as castas inferiores, e aqui vem mais uma disparidade das leis indianas, pois por lei, todos são iguais e não pode haver discriminação por casta! Mas é próprio governo que quer impor cotas de reserva ainda maiores no ensino superior!!!

Nossa como este país é confuso!!!! Por isso é tudo uma bagunça por aqui, nem o governo segue as próprias leis que cria!!!!!!

Incredible India! (slogan do governo indiano)

OM Shanti
PS. A foto é das indianas protestando a favor da bigamia!


.