26 de novembro de 2007

Terremoto e o Tigu?


Namaskar

Hoje, dia 26 de novembro, acordei assustada as 4h45 da madrugada com a casa toda tremendo, a cama tremendo, as janelas tremendo e os cães da vizinhança latindo desesperados.... este foi meu terceiro terremoto!

Confesso que eh bastante assustador e uma experiência inesquecível.
O epicentro foi na borda de Delhi com Haryana. Como se já não bastassem as 6 (seis) bombas terroristas que explodiram aqui na Índia este fim de semana, hoje acordamos com um terremoto de 4.42 na escala Richter..... isso eh viver na Incredible Índia!

Como diria o nosso amigo Pedro, ‘eh karma’. Mas concluo que o karma da Índia com certeza não eh dos mais positivos. Terrorismo, tsunami, terremoto, furacão, inundação e avalanches assolam a Índia regularmente.

A lei do karma segundo o hinduismo consiste em recolher o que se planta, ou seja, a energia emanada por você (no caso, pela Índia) volta para você. Se você emanar coisas boas recebera coisas boas, se plantar violetas, colherá violetas. Porem se plantar cactos, colherá cactos. Afinal, não conheço estoria de nenhum lavrador que plantou arroz e colheu batatas!

Karma ou não, a verdade eh que a expressão “uma caixinha de surpresas” aplica-se perfeitamente bem a Índia. Viver aqui eh estar abrindo constantemente “caixinhas de surpresa”, infelizmente poucas agradáveis, a maioria muito chocantes.

Estou bem, continuo bem, a Índia ainda não conseguiu me derrubar embora tente constantemente. Minha única preocupação eh com o Tigu que não voltou para casa. Na hora do terremoto ele estava passeando pela vizinhança. Estou aguardando seu retorno...

Foto: Tigu dormindo enroladinho
Om Shanti

.