6 de janeiro de 2009

Guru é acusado de fazer droga com 'osso humano'


Namaskar

O guru de ioga Swami Ramdev está sendo acusado pela deputada comunista Brinda Karat, da Índia, de utilizar ossos humanos e de animais na fabricação de remédios alternativos.

A deputada indiana afirma que as acusações são baseadas na análise, feita por um laboratório a pedido do ministério da Saúde, de duas amostras de remédios produzidos na farmácia de Ramdev.

O guru Swami Ramdev – que apresenta um programa bastante popular na televisão indiana – refuta as acusações, afirmando que está sendo vítima de uma conspiração da indústria farmacêutica que faria oposição a ele.

"Qual é a prova de que as amostras utilizadas como base dessas alegações são de remédios que nós fazemos?", perguntou Ramdev a jornalistas em Lucknow, no norte indiano.

Manifestação

Mais de cem seguidores de Ramdev entraram em conflito com a polícia durante uma manifestação pela inocência do guru na capital indiana, Nova Déli.

Os manifestantes tentaram entrar a força na sede do Partido Comunista da Índia. Eles gritavam palavras de ordem contra Karat e queimaram uma foto da deputada.

Também houve confrontos dos seguidores do guro com simpatizantes comunistas.

No entanto, o vice-comissário de polícia de Déli, Anita Roy, disse à Fundação de Imprensa da Índia que a situação foi controlada em poucos minutos.

A farmácia do guru, que também levanta a hipótese de as amostras terem sido adulteradas, produz remédios alternativos que supostamente tratam desde impotência até câncer e epilepsia na cidade de Haridwar, também no norte da Índia.

"A droga para impotência contém testículos de animais esmagados até virar pó. Foi detectado também pó de crânio e de ossos", afirmou Karat.

"Aproveitando-se da popularidade do programa de TV, ele está vendendo drogas adulteradas. Isso é uma enorme quebra na confiança dos seus seguidores."

Karat é deputada pelo maior partido de esquerda da Índia, o Partido Comunista da Índia, de orientação marxista.

O ministério da Saúde confirmou a realização dos testes, de acordo com o jornal Hindustan Times.

Fonte: BBCBrasil


Incredible India! (slogan do governo indiano)


Om Shanti


Copyright © - A reprodução é PROIBIDA. Se o fizer, pelo menos que o/a autor(a), a fonte e o blog INDI(A)GESTÃO sejam devidamente citados e os links corretamente fornecidos.


Ao deixar um comentário, por favor IDENTIFIQUE-SE.