3 de julho de 2009

Comercio Brasil-India


Namaskar

Os investimentos de indianos no Brasil têm crescido bastante nos últimos anos. A Embaixada Brasileira em Nova Délhi, concede uma média de 30 a 40 vistos de negócio, por dia, para indianos com destino ao Brasil.“É um volume imenso [de vistos de negócio]. Os investimentos indianos no Brasil estão crescendo muito”, afirmou o embaixador Marco Brandão.

Para o professor do Departamento de Economia da PUC-Rio o economista, José Márcio Camargo seria importante que os brasileiros fizessem o caminho inverso, ou seja, também buscassem mais o mercado indiano. “Eu aconselharia que os empresários brasileiros viessem mais à Índia, porque é um mercado em expansão. Não é um mercado fácil, é um mercado que exige conhecimento, claro.Ele exige que as pessoas venham aqui e se inteirem. Mas é um mercado muito promissor”, disse.

De acordo com o embaixador uma das formas de aproximar do mercado indiano é se fazer parcerias locais. “Isso é muito importante, mesmo para exportações brasileiras para a Índia. Quando você tem aqui um sócio local, você tem uma facilidade muito maior de exportar para a Índia”, destacou Brandão.

Segundo a Câmara de Comércio Índia-Brasil, as principais oportunidades para brasileiros na Índia estão no oferecimento de serviços de construção civil, nas parcerias na área de tecnologia da informação e na exportação de alimentos industrializados.

Para o embaixador, o momento é propício também por conta das boas relações mantidas entre os dois países, que estão boas tanto no que se referente à esfera política, quanto às acadêmica e empresarial.

Fonte: http://www.panoramabrasil.com.br/Noticia

Om Shanti