2 de abril de 2015

Aproveite a Páscoa Sem Medo de Ser Feliz!





Aproveite a Páscoa Sem Medo de Ser Feliz!


Em 1987 eu comprei chocolates de Páscoa em forma de coelhinhos para todos os membros da família; que na verdade já não era tão grande assim. Éramos somente cinco pessoas, meu pai, minha mãe, minha irmã, minha avó materna e eu.


Comprei os coelhinhos de chocolate pois eram diferente dos tradicionais ovos de chocolate. Eles eram muito bonitinhos e como naquela época não tínhamos a grande variedade de ovos de Páscoa que temos hoje em dia, com recheios variados e até brinquedos dentro; os coelhinhos eram uma novidade. 


Eu entreguei um coelhinho de Páscoa para cada membro da família com cerca de 10 dias de antecedência. Minha irmã e minha mãe logo devoraram os coelhinhos de chocolate. Não lembro o que meu pai fez com o dele. E minha avó materna resolveu guardar o dela por dez dias e come-lo somente no domingo de Páscoa.


Quis o destino que minha avó sofresse um violento infarto uma semana antes da Páscoa e morresse instantaneamente, sem ter provado o coelhinho de chocolate que de mim ganhou três dias antes de seu falecimento. 


Foi aos 23 anos de idade que descobri a urgência da vida. Que a vida não espera por nada e nem por ninguém. Que tudo pode terminar de um minuto para o outro e que não devemos ficar guardando coisas das quais nunca chegaremos a desfrutar. 


No meu guarda-roupa não tenho nenhuma peça de roupa nova que já não tenha sido usada pelo menos uma vez. Não guardo mais quase nada para o futuro pois sei bem que o futuro pode não chegar. Vivo no presente. Vivo no aqui e no agora. Vivo no momento. 


Aproveite sua Páscoa e coma ovos e coelhinhos de chocolate sem medo de engordar e fazer mal a saúde. 


Celebre sua Páscoa sem medo de ser feliz!!


Em memória à Dolores Amat, minha avó materna.



.