3 de dezembro de 2007

Lepra


Namaskar

Fiquei sabendo do caso de uma pessoa que veio aqui para a Índia e ao voltar ao seu pais de origem foi ao dermatologista pois tinha manchas estranhas na pele, as tais manchas na pele era lepra (Hanseniase). Pensei que hanseniase não fosse contagioso.

Assim sendo, hoje venho te falar um pouco sobre a Lepra; doença que afeta uma grande quantidade de indianos.

Saiba que a Índia eh o pais com o maior numero de leprosos atualmente no mundo. Em segundo lugar vem o Brasil e em terceiro Myanmar. Nepal, Madagascar, Moçambique e Tanzânia também tem um grande número de pessoas com lepra, segundo dados da Organização Mundial de Saúde. (OMS).

Ainda segundo a OMS os homens tem duas vezes mais probabilidade de adquirir lepra do que as mulheres. Outro dado interessante eh que a lepra ocorre na mesma região do DNA que causa o Mal de Parkinson levando a especulação que ambas as doenças podem estar conectadas a nível bioquímico.

Ate ha alguns anos atras os leprosos na Índia tinham que amarrar em si um pequeno sino para que ao caminhar o sino tocasse alertando assim as pessoas saudáveis que um leproso se aproximava.

Atualmente eles não usam mais o sino e vivem de pedir esmolas em pontos turísticos. Como eles sabem que os turistas tem nojo de sua pele deformada, os leprosos chegam bem perto da pessoa ou as tocam para que assim a pessoa lhes dêem dinheiro rapidamente para poder se livrarem deles.

A lepra eh causada por uma bactéria chamada Mycobacterium leprae mas não sei o modo de contagio e nem o tratamento existente para esta doença que tanto aflige os indianos. Só sei que eh muito triste ver tantas e tantas pessoas contaminadas por esta doença deformante.

Madre Teresa de Calcutá foi a primeira pessoa a se preocupar com este grave problema e cuidava dos leprosos com muito amor e dedicação. Ela abriu vilas (colônias) para eles. Estas colônias de leprosos ainda existem em Calcutá e outras partes da Índia.

Algumas Organizações Não Governamentais trabalham para ajudar os leprosos. Tem ate um website chamado Leprosy Índia que trata deste assunto http://www.leprosyindia.com/ (em inglês).

Caso ao retornar a seu país você observe qualquer alteração na pele, procure logo um dermatologista pois pode ser lepra.

Aproveito para informar que ha também um fungos muito comum aqui na Índia que ataca a região da virilha e que inclusive ha propaganda na televisão de uma medicação chamada “Itch Gard” própria para combater o tal fungos.

Foto: Internet/Google

Incredible India!

Om Shanti